Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]


Caminhos

publicado por ónix, em 07.08.10

 

Voltei a abrir o móvel da sala e voltei a pegar com todo o cuidado na caixinha de madeira onde dormem tranquilamente as tuas cartas. Desta vez li-as todas uma por uma e deixei as gargalhadas fluirem. É impossível ler o que escreveste no passado sem rir com aquela vontade espontânea. Não sei quanto tempo estive assim, apenas sei que quando voltei a guardá-las as risadas que invadiram o meu espaço deram lugar à nostalgia. Não gosto nada de sentir saudades. Levantei-me num ápice, pus a roupa mais bonita que encontrei, calcei os melhores sapatos e não, não pintei os lábios de vermelho, saí para a rua e dirigi-me ao parqueamento. Entrei no carro e olhei para os três cd's inertes em cima do banco e entre Iron Maiden, The Sisters of Mercy e Reamon decidi-me pelo último. E com a música em decibéis mais p'ro alto que p'ro baixo, palmilhei alguns kilómetros sem saber bem por onde andei. Senti-me livre e com forças para continuar. Ao regressar a casa respirei fundo e interiorizei que a vida é fácil de viver... há sim que saber aproveitá-la até ao tutano e viver os momentos que nos fazem felizes ainda que sem sabermos.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por ónix às 23:42


comentários

De viajanteintemporal a 08.08.2010 às 23:29

Acontece-me o mesmo. Dar uma volta de carro, a ouvir uma boa musica, para limpar a alma. Beijos

De ónix a 10.08.2010 às 20:35

Gostei do "limpar a alma"... faz-nos bem que isso aconteça de quando em quando.
Beijinhos para ti

De flordocardo a 10.08.2010 às 01:09

Gabo-te. Invejo-te!
Bjões! * * *

De ónix a 10.08.2010 às 20:39

Experimenta fazer o mesmo (com certeza já o fizeste). De vez em quando sabe muita bem.Obrigada por continuares a passar por aqui.
Bjokas

De flordocardo a 11.08.2010 às 00:05

Na verdade tenho mesmo que ir dois ou três pra fora de portas...
Fica bem! *

De ónix a 11.08.2010 às 15:39

Sim, sim... obrigatório ir para fora uns dias para desanuviar.
Bjus

De ramsés a 11.08.2010 às 00:07

Interessante este blog. Vou passar mais vezes, ok?

De ónix a 11.08.2010 às 15:40

Sempre que quiseres...obrigada por passares.

De Caravaggio a 22.08.2010 às 17:00

ÓNIX, ÓNIX, ONIX. Eu, o próprio, já estou com saudades tuas. Se estás de férias, que estejas numa de grande gozo, a fazeres todo o tipo de asneiras (caipirinhas em abundância, alta charutada , leitão com baunilha em boa companhia/as), que é para daqui a uns dias, estares outra vez uma MENINA MUITO BEM COMPORTADA, no teu local de trabalho. Beijitos a chorar ÓNIX, Musa/Sereia do Ribatejo de S. Martinho do Porto e da Ericeira. Gostava de andar num Carrossel contigo, numa girafa.

De ónix a 23.08.2010 às 20:50

Alô Sr. Caravaggio
Sim tenho estado de férias...cheguei hoje para "recarregar "baterias e vou voltar amanhã para as caipirinhas que eu tanto adoro. E o menino não vai de férias? Que esteja tudo a correr bem na tua vida. Já tinha saudades de me rir contigo e também do meu cantinho. Também gostava de andar contigo no carrocel...talvez num cavalo. De momento não me lembro de mais nenhum animal que integre o dito carrocel.
Bjiiinhos. Até Setembro.

De Caravaggio a 23.08.2010 às 23:56

Olá menina Ónix. Eu detesto fazer férias em Agosto. Fiz parte em Julho lá com aquela ida aos Açores e guardo sempre aquelas 2 semanas horrorosas antes do Natal. Está bem, andamos num cavalo se tu concordares depois andamos num Urso Formigueiro. Que aproveites da melhor maneira o que te resta das férias. Um beijito para ti e diverte-te à grande e à italiana.

De ónix a 24.08.2010 às 00:32

E eu só posso ter férias em Agosto...e gosto, talvez po força do hábito.
Obrigada e abraço para ti. Reencontramo-nos em Setembro.
Fica bem.

De Diana V. a 23.08.2010 às 01:21

São pequenas diferenças que fazem grandes mulheres... O Mundo é teu, menina ónix...

As saudades são grandes...

Beijinhos

Diana

De ónix a 23.08.2010 às 20:52

O mundo é nosso, menina Quimera. E tu sim, és igualmente uma grande mulher. Que as tuas férias se for o caso estejam a correr o melhor possível.
Saudades...
Abracinho grande para ti.

De Ametista a 31.08.2010 às 23:25

Minha querida ónix,
Aproveitar ao máximo, sim, e sorrir e rir com as palavras que ficaram escritas... bons tempos, né verdade?
Saudades, todos sentimos... nada a fazer com o que não volta atrás...
Adorei os teus caminhos...

Sorri sempre e até sempre...

Beijinhos, mana

De ónix a 31.08.2010 às 23:45

Tempos maravilhosos, sem dúvida. Saudades? Sim. Caminhos que não têm retorno. São de sentido único.
Sorri tu, querida manuska. Agora com muitas razões para isso. Aproveita e sê feliz.
Abracinho

De onda_azul a 05.12.2010 às 15:49

Muito bonito o que escreveste, sem dúvida...ainda bem que tens essa capacidade de não gostar de sentir saudades mas tê-las e com elas fugir do teu mundo por momentos. E quando regressas ao teu mundo de certeza que te sentes melhor e vês o bom que ela tem para te dar...

Bjinho

De ónix a 05.12.2010 às 18:39

Obrigada por gostares das minhas palavras... por vezes há que fazer estas coisas para não ficarmos a remoer no passado.
Bjus

De averse a 07.02.2011 às 15:59

Gostei muito do teu blog!
Agradavel de ler...

De ónix a 07.02.2011 às 21:06

Obrigada por teres passado e gostado...volta sempre.

De artesaoocioso a 13.03.2011 às 22:21

Margarida,
É possível não gostar de ter saudades?
Acho que a vontade é traída pelo coração e quando as memórias são amores vividos, resistir para quê?
[Error: Irreparable invalid markup ('<br [...] <a>') in entry. Owner must fix manually. Raw contents below.]

Margarida, <BR>É possível não gostar de ter saudades? <BR>Acho que a vontade é traída pelo coração e quando as memórias são amores vividos, resistir para quê? <BR class=incorrect name="incorrect" <a>Bjs</A>

De ónix a 14.03.2011 às 23:39

Mas não gosto mesmo... fico cheia de melancolia. Gosto de viver o presente apesar do triste passar dos anos.

Comentar repto








Reptos mais comentados


Obrigada a quem vai passando...




Protected by Copyscape Web Plagiarism Check

Imagens retiradas de Google