Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]


Voltar...

publicado por ónix, em 24.09.09

 

Sem tempo, contra o tempo e sem vontade.

Absorta em pensamentos absurdos, permanecem as palavras que ficaram por dizer e que nunca te direi.

Uma coisa é certa. Hei-de nascer de novo para te voltar a encontrar!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por ónix às 23:48


comentários

De Caravaggio a 26.09.2009 às 01:53

Quem escreve como tu, tem uma cabeça muito boa e não tem medo de viver. Há sempre, aparece sempre, encontra-se sempre muitas vezes sem nos apercebemos, às vezes está aqui. Não leio muita poesia, mas há um sobre isto lindíssimo É tão lindo que não me lembro. Aproveito para te dizer que fiquei "tipo vaidosola " pela adição . Beijinho

De ónix a 26.09.2009 às 18:59

Alô, alô
Obrigada por me continuares a visitar e pelos comentários feitos sempre com aquele sentido de humor que te é peculiar. Agradeço igualmente a aceitação da adição.
Beijinhos

De Caravaggio a 26.09.2009 às 23:20

Ónix, Alô, alô em boa frequência. É sempre bom ler-te e falar contigo, tens inteligência que sobra para saberes quando estou na TRAQUINICE. Beijinho para ti.

De ónix a 27.09.2009 às 00:56

E não devíamos encarar a vida sempre assim? Com "traquinice" qb.? Seria bom, com certeza.
Beijo

De Caravaggio a 27.09.2009 às 01:11

Claro que sim Ónix, mas infelizmente há pessoas que nasceram ao contrário e primeiro pensam com a cabeça dos dedos dos pés , agora faz as contas e vês o tempo que demora a chegar lá cima. È tão chato não é Ónix? Mas tem de haver diferenças. Um beijinho para o sôno.

De ónix a 27.09.2009 às 23:49

E são tantas as que nasceram ao contrário...chato mesmo, caro Caravagio.
Beijocas

Comentar repto








Reptos mais comentados


Obrigada a quem vai passando...




Protected by Copyscape Web Plagiarism Check

Imagens retiradas de Google