Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]


Palavras...somente

publicado por ónix, em 12.06.10

 

Sabes? Estas palavras são para ti. Quem sabe não as lerás um dia.

 

Estou sem sono. Vagueio calma pela casa. Não quero pensar. Não consigo evitar. E deixo a calma afastar-se devagarinho dando lugar à raiva de querer e não querer. Penso em ti, que posso fazer? E recordo... a ti, a mim e aos momentos inesquecíveis que passámos. Os tais momentos bons de que é feita a vida. Houve alguém que disse um dia...olha,  pensa nos momentos maus. Mas eu não consigo. Penso no teu olhar em mim, nos teus abraços em mim, na tua voz.. ai, a tua voz. Foi por ela que me apaixonei, lembras-te?

Será que vai ser sempre assim? Será que te vou lembrar de vez em quando? Será que continuarás a fazer parte de um bocadinho de mim? Será que quando formos bem velhinhos e nos cruzarmos numa rua qualquer da nossa cidade ainda nos vamos olhar? Será que vamos sorrir um para o outro? Será? O quê?

Não quero pensar. Recuso-me a pensar no futuro. Continuo a vaguear pela casa. E sinto-me feliz com o que construí e pelo que sou. Engraçado, a calma voltou. Com pézinhos de lã.

 

Sabes? Estas palavras continuam a ser para ti. Sei bem que nunca as irás ler. Ainda bem!

Lamechices, irias pensar!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por ónix às 00:46


comentários

De Caravaggio a 28.06.2010 às 00:01

Bem chegado, obrigado.

De ónix a 29.06.2010 às 00:13

Óptimo...bjus

De Caravaggio a 29.06.2010 às 02:18

Bem se vê que lesta a minha Ordem dos Trabalhos, na DIAGONAL mas, para quem está habituada a andar de carro, passar para em veleiro é muito chato e, molha que se farta. É mesmo só para quem gosta. Beijito.

De ónix a 30.06.2010 às 23:02

Como é que adivinhaste? És sábio, sim senhor.
Bjinhos

Comentar repto








Reptos mais comentados


Obrigada a quem vai passando...




Protected by Copyscape Web Plagiarism Check

Imagens retiradas de Google