Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]


Noite de Natal... ou não

publicado por ónix, em 20.12.08

 

Mãe, queria ter...

Filho, não podes ter...

E as montras exibiam-se vaidosas e desejadas... os brinquedos cobiçados, as luzes e os presépios, as filhós e as rabanadas.

Seguiram rumo a casa feita de sonhos e de nada... o coração de mãe destroçado. Abraçou-o num abraço sedento e inquieto... era o que tinha para lhe dar. Depois... chorou com ele!

 

E é esta a melhor noite do ano. Será???

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por ónix às 23:52


comentários

De José A a 21.12.2008 às 01:26

Olá. Ao ler este post, lembrei-me do Livro "Os Pobres"
de Raul Brandão. É o querer sem poder, o desejar
sem poder ter. O Natal é triste. Será sempre triste.

De ónix a 22.12.2008 às 21:02

Então que o teu Natal seja feliz este ano... há que contrariar, se for possível...

De Ametista a 22.12.2008 às 19:06

Fico assim.. desarmada... perante palavras tão belas... e tristes...?!
E o Natal é feito de sonhos para quem não pode nada... e feito de união para quem tem família... Afinal, o amor entre nós é o que importa. Pena que não seja assim no resto do mundo...

Beijo grande, mana
Adoro-te

De ónix a 22.12.2008 às 21:04

E nós, manuska, continuaremos unidinhas.. até ao fim... bjokinhas

De Homem de Lata a 09.01.2009 às 22:20

Se calhar, nessa mesma noite, haviam crianças que tinham toneladas de brinquedos mas a quem faltou uma mãe a quem abraçar...

De ónix a 09.01.2009 às 22:44

Possivelmente... obrigada pelo comentário

De artesaoocioso a 23.02.2011 às 19:17

Há muito que considero que o Natal, como é celebrado agora, é um insulto aos milhares de pobres por esse pais fora.
Não passa de uma orgia de consumo.
No meu tempo os brinquedos eram simples e a troca de presentes também: um livro, um disco e pouco mais.
Nem tudo o que é novo é bom.
Visitei a sua irmã Ametista e gostei também. Duas mulheres a escreverem bem na mesma família não é comum.
Parabens^às duas.
Cumprimentos

De ónix a 24.02.2011 às 18:44

Olá João
Relativamente ao Natal estou plenamente de acordo consigo... adorei a frase"orgia de consumo", não podia encaixar melhor no espírito natalício dos nossos dias.
Relativamente à minha irmã... pois, escreve maravilhosamente. Adoro os seus textos. O livro que publicou também é fantástico ( poesia branca). Sou igualmente fã.
Abraço

De artesaoocioso a 25.02.2011 às 10:59

Margarida,
Relativamente à minha irmã... pois.
A frase é enigmática...
Cumprimentos

Comentar repto






Reptos mais comentados




Imagens retiradas de Google