Segunda-feira, 21 de Março de 2011

Escreve-me

Escreve para mim o mais belo poema de amor, disse-te eu um dia

Tu olhaste-me com ternura infinda e correste desenfreado

à procura das palavras...

Colheste-as uma a uma e escreveste-as no papel

 

Lê-as devagarinho, disseste-me tu um dia

E eu, com medo do desengano, li as reticências, as vírgulas e os pontos finais

Quando terminei, no silêncio de mim, o coração chorou baixinho

com o assombro das palavras...

 

Apertei nas mãos e fiz calar o que tinha escrito para ti...

Definitivamente não sei escrever poemas de amor!

 


escrito por ónix às 21:36
| comentar | ver comentários (31)

. Um pouquinho de mim

. Adicionar-me

. 34 seguidores

Obrigada a quem vai passando...

.OS MEUS REPTOS

. Escreve-me

.O TEMPO DAS PALAVRAS

. Junho 2019

. Novembro 2014

. Agosto 2014

. Novembro 2013

. Setembro 2013

. Abril 2013

. Fevereiro 2013

. Dezembro 2012

. Outubro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

Protected by Copyscape Web Plagiarism Check

Imagens retiradas de Google

online